Avaliação - Peugeot 408
Carros

Avaliação - Peugeot 408



                                     A Peugeot nunca se deu muito bem com sedãs aqui no Brasil. Desde o problemático 405 até o recente 307 sedan, a marca francesa sempre peca nos carros, que acabam virando verdadeiros micos. O 307 falhou num ponto crucial: o design. A traseira completamente sem graça tirava o ar esportivo do carro, e destoava da bela dianteira. Para tentar mudar este quadro, a Peugeot desenvolveu um belíssimo e elegante sedã médio para tentar deixar de ser coadjuvante no segmento. Apesar do estilo incontestável e das inúmeras qualidades, o 408 é apenas mais um figurante na categoria dominada pelos japoneses Civic e Corolla.



                                     O 408 tem excelentes qualidades, a começar pelo motor. O 2.0 16v é o mesmo que equipa o Peugeot 308 e os Citroen C4 hatch, C4 Pallas e C4 Picasso. Rende 143 cavalos na gasolina e 151 no etanol, dando desempenho satisfatório ao grande sedã. Quem quiser algo mais esportivo, terá que ir para a versão 1.6 THP, que é Turbo e essa sim garante vigorosas arrancadas para o modelo. Esta 2.0 preza pelo conforto dos passageiros, apesar da suspensão dura e dos pneus de perfil baixo, que passam praticamente todas as irregularidades do piso para o habitáculo. O câmbio pode ser manual de 5 marchas, ou o arcaico e problemático automático de 4 marchas. 



                                    O espaço interno é referência na categoria. É o maior, ganhando até mesmo do gigante C4 Pallas. Ali, 5 adultos viajam com conforto, e a sensação de espaço é ampliada pela enorme área envidraçada. Os porta-objetos não são muitos, mas ainda assim está acima da média. Há um porta-luvas refrigerado que comporta até uma garrafa de tamanho médio. O porta-malas é um dos maiores do segmento, comportando 526 litros, tendo a vantagem dos amortecedores na tampa, que não invadem o espaço de carga.



                                    O desenho é bem agressivo e imponente, e tem os farois com formato de "olho de felino", já característica da Peugeot desde o lançamento do 206. Nem se compara ao 307, cujo conjunto era desproporcional. A dianteira agrada bastante, a lateral possui linha de cintura e vincos ascendentes, e a traseira tem lanternas finas, que invadem a tampa do porta-malas. Esta última mostra clara evolução dos designers da marca francesa depois dos vários fracassos. No geral, é um veículo muito elegante.


                                  A Peugeot informe que os preços do 408 começam em R$56.020, mas em concessionárias é possível encontrar o mesmo veículo na versão de entrada Allure por R$51.990, tendo assim custo x benefício imbatível. Com uma lista de itens de série que inclui airbag duplo, freios a disco nas quatro rodas, faróis de neblina, travamento automático das portas, direção hidráulica, ar-condicionado, regulagem do volante em profundidade e altura, vidros elétricos com função ?um toque? nas quatro portas, computador de bordo, volante de couro, retrovisores e maçanetas na cor da carroceria e chaves com abertura da porta à distância, entre outros. Assim como todos os carros da marca do leão, vale a pena somente na versão manual. A automática costuma dar problemas, e o pós-venda recebe muitas críticas. Mas não deixa de ser um bom carro, apesar desses pequenos (e graves) defeitos.









- Renault Oferece Teste Drive Em Carro Elétrico
 Para comemorar os 15 anos de produção no Brasil, a Renault realizou neste mês uma programação especial no Expo Renault Barigui, que recebeu sobretudo o público do Paraná. Nessa década e meia, a empresa produziu no pais 1,8 milhão de veículos...

- Gambiarras Automotivas
                                               Se não de pra enxergar pelo menos da pra ouvir          ...

- Sertões 2014 - Resultados Especial 5
Motos1º            MARC COMA     4h34min552º            JEAN AZEVEDO 4H39min28 Quadri1º           ...

- Sertões 2014 - Resultados Especial 2
Motos1º            PAULO GONCALVES       00h45min372º            JEAN AZEVEDO         ...

- Teste Da Quatro Rodas Agosto De 2014
                                                          ...



Carros








.