Pesquisa da ANP revela onde postos BR cobram menos do que a concorrência.
Carros

Pesquisa da ANP revela onde postos BR cobram menos do que a concorrência.


Apesar de o ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, ter anunciado na segunda-feira que usará os postos de combustíveis da Petrobras (BR Distribuidora) para forçar queda nos custos dos combustíveis, um levantamento do EXTRA — com base na pesquisa de preços da gasolina da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) — mostra que os estabelecimentos de bandeira BR estão mais baratos em vários bairros do Rio (desconsiderando-se os postos de bandeira branca).

Dos 15 bairros pesquisados, em oito localidades os estabelecimentos BR têm gasolina mais em conta: Bonsucesso, Tijuca, Benfica, Jacarepaguá, Campo Grande, Bangu, Santa Cruz e Barra. O posto do Senac cobra R$ 2,890, e, entre os estabelecimentos de bandeira, é o mais em conta em Bonsucesso. Em Jacarepaguá, a gasolina no posto Moranguinho sai por R$ 2,899.

A pesquisa da ANP mostra que os combustíveis tiveram aumento da última semana de abril para a primeira de maio. O preço médio da gasolina foi de R$ 2,975 para R$ 3,007 no RIo (alta de 1,07%). O do etanol subiu 0,87%: de R$ 2,525 para R$ 2,547. O GNV aumentou 1,45%: de R$ 1,653 para R$ 1,677. (Confira os preços no quadro abaixo)

Desinformado

A declaração de Lobão foi criticada pelo presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Combustíveis, Lubrificantes e Lojas de Conveniência do Estado do Rio (Sindestado).

— Só mostra que ele é um ministro político, e não técnico. A BR não tem margem para reduzir preços. O problema está nas usinas, que, de junho até abril, aumentaram o etanol em 180%. Ele está desinformado. Se a BR reduzir os preços abaixo dos valores de custo, as distribuidoras vão à Justiça — disse Ricardo Lisboa Vianna.

A BR Distribuidora não se pronunciou sobre a declaração do ministro.

Boicote pela internet

Uma campanha de boicote à BR foi lançada na internet. Uma página da rede social Facebook convoca consumidores a não abastecerem nos postos da Petrobras a partir de 1 de junho. Mais de 230 mil usuários confirmaram a participação no boicote. Outros 33 mil ainda vão se decidir. Criador do perfil, Luiz Henrique Godinho espera que a mobilização provoque queda de preços nas bombas.


Fonte: Extra

   




- Preço Do Etanol Recua Em 11 Estados, Mas Sobe Em Outros 15 E No Df
São Paulo, o maior consumidor, acumula alta mensal de 0,7%.Maior queda ocorreu em Mato Grosso, com recuo de 5,25% no mês. Os preços do etanol hidratado nos postos brasileiros recuaram em 11 estados e subiram em outros 15 e no Distrito Federal, de...

- Com Falta De álcool Anidro, Distribuidoras Racionam Gasolina
Revendedores de combustíveis de ao menos oito Estados disseram ao Jornal Folha de São Paulo que estão enfrentando dificuldade para obter gasolina. As distribuidoras, dizem, têm racionado a entrega do produto.  O motivo, segundo donos de postos...

- Abastecer Com Etanol Está Vantajoso Em 8 Estados Brasileiros
Preço do álcool está competitivo na BA, GO, MT, MS, PR, PE, SP e TO. Gasolina é vantagem em 18 estados e no DF, segundo dados da ANP. Os preços do etanol permanecem competitivos em relação à gasolina nos postos de combustíveis de oito estados...

- Com Preços Em Alta, Consumo De Etanol Despenca Em Janeiro
Etanol ficou 11,06% mais caro na primeira quadrissemana de fevereiro. Produto hoje só é competitivo em relação à gasolina no Mato Grosso. O consumo de etanol não resistiu aos altos preços e despencou em janeiro. Segundo dados do Sindicato...

- Preço Do álcool Varia Até 70% Em Postos De Sp, Diz Pesquisa Da Anp
Levantamento semanal é feito em estabelecimentos da capital paulista. Motoristas pagam, em média, R$ 1,39 por litro de álcool na cidade. O motorista pode encontrar uma variação de até 70% no preço de um litro de álcool vendido na capital paulista,...



Carros








.